julho 10, 2007

Ombudsmand

Sem poemas, poesias, musicas, filmes, diálogos,artistas, atores, diretores, editores, roteiristas, pintores, gênios, poetas como referência.
Só eu, e toda a minha falta de tudo.
Falta de talento, de paciência, de razão, de seriedade, de lógica, de inteligência, de fome, de vontade de entender, de amor próprio.
Só eu e meu excesso de nada.
Excesso de idéias,de ideais, de palavras perdidas,de frases mal-ditas, de máscaras,de raiva contida, de paixão igualmente contida,de pretensões,de intenções,de branco.
Debaixo dos caracóis do meus cabelos, não tenho histórias para contar, de um mundo inimaginado.Cant keep my promisses,u see

Um comentário:

júlia disse...

Devia te processar por usar a minha imagem, sabia?
Fica escrevendo sobre mim, poxa.